olemenews.com

Entretenimento

"Não tenho medo": Meio milhão de pessoas manifestam-se em Barcelona

Share
Manifestação contra os atentados na Catalunha reuniu 500 mil pessoas

A notícia avançada pelo El País e pelo El Mundo detalhou que a mulher estava em estado crítico no Hospital do Mar em Barcelona. Os ataques à avenida Las Ramblas (via de grande circulação de pedestres que liga uma praça central à orla da cidade) e na estância balneária de Cambrils deixaram ao menos de 120 feridos.

Ontem, sábado, cerca de 500 mil pessoas desfilaram no centro de Barcelona, numa manifestação contra o terrorismo depois dos atentados da semana passada.

Também participaram do ato familiares das vítimas dos atentados terroristas de Barcelona e Cambrils, ocorridos em 17 de agosto, e uma delegação de organizações que trabalham em prol da paz, contra o racismo e em defesa dos direitos humanos.

O Departamento de Saúde da Catalunha informou que 24 pessoas que ficaram feridas nos atentados continuam hospitalizadas, cinco delas em estado crítico. Os ataques foram reivindicados pelos extremistas do autointitulado Estado Islâmico. O rei espanhol participou na iniciativa.

Segundo as autoridades espanholas, a célula responsável pelos ataques era constituída por 12 homens, oito dos quais foram abatidos e quatro detidos após os ataques.

Sob o lema "No tinc por" ("Não tenho medo", em catalão), os manifestantes marcharam ao longo do passeio marítimo nesta sexta-feira à tarde, atrás da prefeita Ada Colau e de outros responsáveis políticos, incluindo o chefe do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez.

A manifestação, que começou por volta das 18h locais (13h em Brasília), foi convocada pela Câmara Municipal de Barcelona e pelo governo regional da Catalunha.

Share