olemenews.com

Global

Governo britânico desculpa-se por ter ameaçado por "erro" deportar cidadãos europeus

Share
Aviso de expulsão para cidadãos europeus na Grã-Bretanha

A Grã-Bretanha reconheceu, esta quarta-feira, segundo a Reuters, que enviou, por engano, centenas de cartas a cidadãos europeus ordenando-lhes que deixassem o país.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros britânico pediu hoje desculpas por ter enviado, por erro, cerca de cem cartas a cidadãos comunitários que vivem no Reino Unido nas quais ameaçava deporta-los se não abandonassem o país.

A moeda do Reino Unido mantém a tendência de desvalorização que segue desde meados de 2016, quando a saída britânica da União Europeia (UE), o 'Brexit', ganhou o referendo de 23 de junho.

"Um número limitado de cartas foram enviadas por erro e temos tentado, de forma urgente, perceber porque que é que isto aconteceu".

Uma das vítimas do erro, Eva Johanna Holmberg, finlandesa e casada com um britânico, disse ao jornal The Independent que "não podia acreditar no que estava a ver" quando recebeu a carta.

Há alguns dias, durante as negociações com a União Europeia sobre o Brexit, a própria May tinha declarado que os 3,5 milhões de cidadãos europeus que moram no Reino Unido não teriam sofrido qualquer consequência em seu status jurídico, e que os visitantes provenientes de países da UE não precisariam de visto para entrar em território britânico. Também Bruxelas defende que essa questão deve ficar clara antes de começarem as conversações.

Share