olemenews.com

Desporto

Patrícia Mamona e Susana Costa falham medalhas

Share
Mundiais atletismo duas portuguesas na final do triplo salto

As representantes portuguesas não conseguiram estar entre as oito melhores marcas que dão acesso aos três saltos suplementares. Mamona, qualificada com 14,29m, fez um salto nulo no primeiro ensaio.

Ambas as atletas superaram a marca de qualificação exigida (14,20 metros): Mamona fez 14,29m ao segundo salto, enquanto Costa conseguiu 14,35m, na terceira tentativa, batendo o seu recorde pessoal, que era de 14,09.

Bicampeã mundial e campeã olímpica, a colombiana Caterine Ibarguen, parte como clara favorita a novo título mundial numa final com apenas três caras novas em relação aos Jogos Rio'2016, nos quais Patrícia Mamona foi sexta e Susana Costa nona.

Nelson Évora também entra em ação, nas qualificações do triplo salto masculino, com o apuramento direto a estar nos 17 metros. No último salto, melhorou a marca para 14,12 metros, o que a colocava provisoriamente na oitava posição.

Em oitavo lugar ficou a espanhola Ana Peleteiro, que saltou 14,23m no terceiro ensaio, arredando a Patrícia Mamona para o nono lugar.

Share