olemenews.com

Desporto

Caso Neymar: Fifa obriga Barça a pagar R$ 7 milhões ao Santos

Share
Neymar e o Barcelona são réus em uma ação movida pelo Santos

O Santos recebeu 17,1 milhões de euros na época, enquanto a empresa do pai do jogador, 40 milhões de euros. Nesta quinta-feira (13), a Fifa divulgou uma decisão que dá vitória parcial ao Peixe sobre um dos processos movidos contra a equipe catalã e Neymar.

O clube brasileiro, que tem a possibilidade de recorrer da decisão da FIFA, solicitou em 2015 vários pedidos de indemnização, alegando irregularidades na transferência do avançado para o Barcelona, em 2013. O atacante ficou em terceiro lugar na premiação que aconteceu no dia 11 de janeiro de 2016, cuja indicação aconteceu em 2015. Além disso, o clube considera que os argumentos apresentados à entidade máxima do futebol sobre o caso são mais que suficientes para um parecer favorável de forma total. Hoje, a FIFA comunicou sua decisão que julgou procedente em parte a arbitragem. "Em consequência, SFC recorrerá ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), em Zurich, que é a instância superior às decisões da FIFA, para que o TAS resolva as questões em litígio e o SFC confia em obter uma decisão ainda mais favorável no TAS".

A FIFA rejeitou uma ação interposta pelo Santos por alegadas irregularidades no processo de transferência de Neymar para o Barcelona, segundo informou a empresa que gere a carreira do internacional brasileiro. Por isso não conhecem os fundamentos jurídicos que o tenham justificado.

Assim, SFC tem a convicção sobre seus direitos e tem provas mais do que suficientes das graves violações perpetradas pelos Demandados.

Share