olemenews.com

Nacional

Proibido lançar foguetes e balões de São João este ano

Share
Lançamento de balões de São João estão proíbidos

As coimas são pesadas, pois quem for apanhado a lançar balões de mecha acesa ou foguetes pode ter de pagar coimas entre 140 euros e 5.000 euros, no caso de pessoa singular., mas se forem organizados por pessoas coletivas, as multas sobem para valores entre 800 euros e 60.000 euros.

No decurso das festividades, há que tem em atenção para os "perigos resultantes do lançamento dos tradicionais balões de São João para as áreas florestais, residenciais e industriais", lê-se num comunicado da PSP, que solicita "a melhor compreensão e colaboração de todos, no sentido de acatarem as indicações e ordens das forças policiais, especialmente em locais de grande aglomeração de pessoas".

A PSP já garantiu que irá fiscalizar durante os festejos, segundo informação da agência Lusa.

Este período crítico do Sistema de Defesa da Floresta contra Incêndios inicia-se assim hoje por decreto, devido às condições adversas que levaram ao aumento do nível de perigosidade para alerta vermelho e laranja.

Questionado sobre se o fogo-de-artifício do São João do Porto, previsto para ser acionado na noite de 23 para 24 de junho, se mantém, a mesma fonte explicou que o "evento está devidamente licenciado e não vai haver lançamento de foguetes de cana", que são os que estão proibidos.

Também a Polícia de Segurança Pública de Braga já tinha informado que, este ano, vai ser proibido o lançamento de balões de ar quente durante as Festas de S. João, face à antecipação do início do período crítico de incêndios.

Os municípios de Gondomar e de Vila Nova de Gaia têm o seu plano para ativar em qualquer ignição e o CDOS tem também preparado um reforço do dispositivo para essas zonas onde há mais probabilidade de caírem balões de São João, caso sejam lançados.

Share