olemenews.com

Global

Ataque com carro-bomba em frente a banco deixa mortos no Afeganistão

Share
Atentado contra banco em Cabul deixa pelo menos 20 mortos e 55 feridos

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, condenou o ataque levado a cabo hoje por um bombista suicida na província de Helmand e que provocou a morte a, pelo menos, 29 pessoas.

O porta-voz do governador de Helmand, Omar Zwak, explicou à agência EFE que o atacante suicida tentou aproximar o veículo armadilhado o mais perto possível da dependência bancária, mas, ao ser descoberto pelos seguranças, detonou os explosivos junto ao primeiro controlo da entrada do banco.

O atentado foi executado com um carro-bomba, confirmou o chefe de polícia provincial, Aqa Noor Kentoz, ao canal Tolo News.

A explosão aconteceu no período em que os muçulmanos estão se preparando para celebrar o festival Eid al-Fitr na próxima semana, marcando o fim do mês sagrado do Ramadan.

Nenhum grupo reivindicou ainda o atentado, mas os talibãs têm perpetrado atentados suicidas semelhantes, inclusivamente neste mesmo banco.

Segundo a versão dos insurgentes, o ataque matou 73 membros das forças de segurança afegãs e deixou 44 feridos, além de ter destruído mais de 12 viaturas policiais que protegiam a agência.

No final de maio, vários talibãs executaram outro ataque contra outra sucursal do Novo Banco de Cabul na província oriental de Paktia, causando sete mortos e 31 feridos. Ao mesmo tempo, o Pentágono estuda o envio de milhares de soldados para reforçar os 8.400 militares presentes no Afeganistão como parte da força da Otan.

Share