olemenews.com

Global

'Travel Ban'. Mais um tribunal federal decidiu contra Trump

Share
Reprodução  Huffington Post

Segundo o governo dos EUA, o bloqueio seria de 90 dias e serviria para revisar as regras e controles de entrada de migrantes no país.Um painel de três juízes do 9º Tribunal de Apelação do Circuito dos EUA em São Francisco decidiu de maneira unânime que o presidente violou a lei de imigração ao discriminar as pessoas com base na sua nacionalidade e que a Trump não mostrou que sua entrada no país prejudicaria os interesses estadunidenses.

No primeiro dia de junho, Trump levou o caso até a Suprema Corte e espera conseguir autorização da mais poderosa instância do judiciário para implementar sua política (Sputnik Brasil).

O assunto já chegou ao Supremo Tribunal dos EUA, depois de o Tribunal de Recurso do 4.º Distrito também ter decidido contra a Casa Branca.

"Concluímos que o presidente, ao emitir esta ordem, excedeu o alcance da autoridade a ele delegada pelo Congresso", acrescentaram os juízes do Tribunal de Apelações do Nono Distrito, com sede central em São Francisco, na Califórnia, ainda que com delegações em diferentes cidades, como Seattle (no estado de Washington).

Por isso, o Tribunal decidiu manter bloqueadas as partes mais importantes da ordem. O decreto do presidente impunha uma proibição temporária de entrada de pessoas de seis países de maioria muçulmana.

Especificamente, os magistrados citam a mensagem em que Trump insiste em usar a palavra "proibição" para descrever seu veto migratório, apesar de sua equipe de comunicação tenha tentado usar qualquer outro termo para descrever a medida.

Share