olemenews.com

Entretenimento

Morre Chris Cornell, vocalista do Soudgarden e Audioslave

Share
Melhor voz do grunge, Cornell ajudou a moldar a cena

O representante do cantor, Brian Bumbery, resumiu que a morte de Cornell foi "súbita e inesperada", segundo informou a "CNN", que reportou também que a família está chocada.

A mesma nota que revela a morte de Chris Cornell pede também privacidade, num momento em que os médicos ainda estão a determinar a causa da morte do artista. Aparentemente, de acordo com a fonte, o cantor teria cometido suicídio. Este amigo, forçou a porta do quarto do hotel onde ele foi encontrado no banheiro. Ele estava no meio de uma turnê pelos Estados Unidos, cujos ingressos estavam esgotados. A turnê terminaria no dia 27 de maio e faltavam apenas seis apresentações. A banda tinha iniciado uma digressão pelos Estados Unidos da América no passado mês de Abril.

O Soundgarden se desfez em 1997 e voltou a atuar reformada em 2010.

Vale lembrar que Chris Cornell esteve no Brasil em dezembro passado, para shows solo no Rio, em São Paulo e em Curitiba. Faleceu em 2015. O Pearl Jam segue adiante e bastante ativo pela voz de Eddie Vedder.

Em 1984 fundou o Soundgarden, uma das quatro bandas símbolos do movimento grunge, ao lado do Nirvana, Alice in Chains e Pearl Jam.

O cantor fez uma apresentação com o Soundgarden na mesma noite, no Fox Theatre, em Detroit, que publicou duas fotos da apresentação em sua página nas redes sociais.

Audioslave - Be Yourself'Be yourself' do AudioslaveEm 2001 nascia o supergrupo Audioslave, formado por Cornell, já fora do Soundgarden, e ex-integrantes do Rage Against the Machine, Tom Morello, Tim Commerford e Brad Wilk. O álbum saiu em 1991 e era uma homenagem a Andrew Wood, o mítico vocalista dos Mother Love Bone e uma das personagens mais carismáticas da música de Seattle. Ele deixa três filhos. Só dez anos depois, a banda se reuniu em um show de protesto contra Trump.

Share